Quarta-feira, 22 de Julho de 2009

Silly Season

 

Pois bem, está oficialmente aberta a Silly Season e este ano parece mais Silly do que nunca! Talvez por causa do calendário eleitoral apertado, parece que todos se esforçam o máximo por mostrar de onde sai a notícia mais grotesca e mentecapta, como se fosse uma espécie de olimpiadas da baboseira.

 

Não me quero alongar em demasia, mas gostava só de referir a medalha de ouro na modalidade da cretinice, como não podia deixar de ser o laureado é Alberto João Jardim!

Eu até acho que a Madeira é dos lugares mais aprazíveis do País e tenho pelos madeirenses o máximo de respeito e simpatia, mas ainda não entendi o que é que leva uma pessoa a votar neste senhor, mas enfim é isto a democracia! A última polémica, sobejamente conhecida de todos, foi AJJ dizer que queria encetar uma revisão constitucional para, pasme-se, proibir o comunismo! Em primeiro lugar não posso entender como é que um Presidente de um Governo Regional pode dizer tamanha barbaridade, que para além de ir contra todas as regras da um estado democrático, peca ainda por um inaudaz tiro no pé ao tentar proibir uma ideologia política, seja ela qual for.

Tal não foi o embaraço causado ao PSD, que na altura não comentou, como ainda motivou o próprio AJJ a enrolar-se em expliacções para aclarar o indecifrável ... pelo menos ficamos a conhecer o verdadeiro Eu do Sr Alberto. Ainda por cima vem posteriormente dizer que o constitucionalista "Vital Moreira está completamente Choné". Sem dúvida o prémio da cretinice está atribuído com distinção.

 

Já nem sequer vou falar nos casos graves do nosso país, como por exemplo o processo BPN que, cada vez mais, se revela como um pântano que não tem fim com milhões e milhões de euros a rolar numa perspectiva do "toda a gente é parva menos eu" ... pois é ... parece que afinal esses "espertos" estão a ser agrilhoados um a um e não vai parar por aqui.

 

Espero que esta Silly Season seja mais curta que o habitual, pois Portugal precisa de discutir assuntos de enorme pertinência, com dois actos eleitorais fulcrais para todos os portugueses!

publicado por Ricardo_Barros às 08:53
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 15 de Julho de 2009

INE: Pobreza manteve-se nos 18%, desigualdade desceu

"15 de Julho de 2009, 11:00

 

Lisboa, 15 Jun (Lusa) - O número de portugueses em risco de pobreza manteve-se, em 2007, nos 18 por cento, divulgou hoje o Instituto Nacional de Estatística, mantendo-se o valor estimado para 2005 e 2006.

Sem o efeito das medidas de ajuda social do Estado, a taxa de 18 por cento subiria 6 pontos percentuais, acrescenta o organismo oficial das estatísticas em Portugal.

O rendimento dos 20 por cento da população com maior riqueza passou de 6,5 para 6,1 vezes superior aos 20 por cento da população com menor rendimento de acordo com os dados provisórios do Inquérito às Condições de Vida e Rendimento realizado em 2008, incidindo sobre rendimentos de 2007. Esta é a maior baixa desde que este indicador passou a ser medido em 1995."

 

Para os mais cépticos sobre a tendência para o atenuar das desigualdades levada a cabo pela política do Governo, aqui vai uma notícia que prova a "política de verdade", não do PSD, como nos entra "olhos adentro" nas letras garrafais dos seus cartazes, mas do PS que tem feito tudo sobre esta matéria.

 

 

As políticas económicas seguidas por qualquer executivo não dão frutos no dia seguinte, mas sim no médio prazo. Evidentemente que houve uma série de medidas que, olhadas com a miopia da oposição, poderiam até parecer reprováveis, mas os resultados estão à vista!

 

Estes dados referem-se a 2007 e não ao ano em que agora nos encontramos, com a malfadada epidemia económica que se alastrou por todo o mundo. Contudo, daqui a algum tempo, as medidas "anti-crise", agora preconizadas, irão também ter os seus efeitos no aligeirar o impacto desta grande crise financeira sobre o nosso país.

 

Afinal, Dr.ª Manuela Ferreira Leite, as políticas do actual governo podem não ser todas para "rasgar", ou são?

publicado por Ricardo_Barros às 12:39
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 10 de Julho de 2009

A Gripe A e a Pandemia de Terror

 

 

 

 

 

 

Já não bastava a situação actual que o país atravessa, resultado da “Pandemia Económica”, com o desemprego a espreitar, a falta de poder de compra, as finanças depauperadas, etc., etc., surge agora a passos largos o terror da famosa Gripe A.

 

É certo que os casos aumentam exponencialmente em todo o mundo e, obviamente, em Portugal temos em poucos dias um impressionante incremento do número de casos, com escolas a fechar e setenta e tal casos confirmados.

 

Como não sou médico nem estou ligado profissionalmente à saúde, permitam-me dizer o que pode ser uma série de disparates, mas é a minha opinião.

 

Ora, eu que até me considero um pessimista, ao ler em vários locais que esta Gripe é bestialmente contagiosa mas a sua perigosidade é relativamente baixa e o seu tratamento, muitas vezes, nem carece de internamento hospitalar, estando-lhe atribuída uma mortalidade de 4/1000, não vejo grandes motivos para tanta “algazarra”.

 

Efectivamente todos aqueles que têm alguma sequela crónica estão mais vulneráveis, mas a generalidade das pessoas saudáveis não se deviam preocupar tanto, afinal a Gripe sazonal é mais perigosa do que esta Gripe A.  

 

Não quero com isto dizer que não tomarei as minhas precauções e seria para mim impensável fazer viagens familiares para os destinos onde o vírus fervilha com mais intensidade. É uma questão de bom senso!

 

Mas ainda penso que afinal não se trata do ébola ou da peste negra … é simplesmente … uma gripe!

 

 

 

tags:
publicado por Ricardo_Barros às 17:53
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 3 de Julho de 2009

O Estado da Nação!

 

 

É lamentável como um debate sobre o Estado da Nação ficou reduzido, na imprensa e opinião pública, ao gesto de Manuel Pinho. Realmente não é admissível que qualquer Ministro tenha uma incorrecção destas perante a Assembleia da República que representa todos os portugueses. Em face deste facto havia a necessidade imperiosa de tirar consequências políticas de tal acto. Foi o que aconteceu e mais uma vez José Sócrates tomou a decisão certa no timing correcto. 


Embora seja incompreensível um Ministro tomar uma atitude imatura e leviana como a que aconteceu, também é verdade que não poderemos esquecer a contribuição positiva do mesmo em várias matérias, como a sua intervenção face à política energética, à falência da Bordalo Pinheiro ou da Quimonda, ou ainda, no que se refere às próprias Minas de Aljustrel que, em última instância, lhe valeram a demissão.


Mas adiante, o caso está falado e não podia deixar de repudiar esta atitude desmedida que prejudica a própria pessoa, o Governo, o PS e principalmente as bases que todos os dias trabalham arduamente na resolução de questões no terreno...


A palavra que mais se falou e ouviu no debate foi o "rasgar" que Manuela Ferreira Leite havia proferido. Não é muito curial que alguém que se quer preparar para o cargo de PM, diga tão somente que, em relação às medidas tomadas pelo actual governo, a única solução é o tal "rasgar" e uma das frases que mais gostei foi a de Alberto Martins quando disse "O PSD está habituado a rasgar as coisas porque não assumem as responsabilidades."

 

Mais uma vez me pergunto se não era bem isto que MFL queria dizer ou se realmente a irresponsabilidade política na devoradora caça ao voto a tem levado a desviar-se sistematicamente da dita "Política de Verdade". É que quando se tem um discurso radical como este, é absolutamente indispensável expor quais são as alternativas, o que é que se pretende fazer, um programa, um folheto, uma brochra que seja ... Mas da parte do PSD continua a ser mais do mesmo: uma elencagem de "nós não fariamos isto e estamos contra", mas nerm uma simples palavra a dizer o que efectivamente fariam... desculpem mas isto não é alternativa mas sim um jorrar de "nãos" vazios e desprovidos de sentido.

 

Há ainda muitas coisas que eu não compreendo na "nova" Manuela Ferreira Leite e na sua inovadora "Política de Verdade" como é o caso escandaloso da "anterior" MFL ter celebrado em 2002 um negócio ruinoso na venda da rede básica de telecomunicações à Portugal Telecom (PT) por 365 milhões de euros, quando o valor contabilístico da mesma era, à época, de 2,3 mil milhões de euros, em nome do desepero pelos 3% de Défice, ou ainda a imcompreensível  venda de 11 mil milhões de euros de créditos fiscais ao Citigroup por 1,75 mil milhões de euros ... enfim!


Fala-se da "Nova Imagem" de Sócrates mas ainda ninguém se lembrou da "plástica" de humildade que a arrogência de MFL sofreu nestes últimos tempos. Sinceramente, uma pessoa que defendia há poucos meses que apenas com a "suspensão da democracia" se poderiam realizar reformas, penso que não merecerá a credibilidade mínima requerida para assumir o Governo. 


Para mim o Estado da Nação é este: Por um lado o Governo tenta fazer compreender aos portugueses a grave crise mundial em que estamos atolados e as medidas anti-crise que tem desenvolvido com grande esforço para suavizar os seus efeitos em Portugal. Por outro lado, a oposição, absolutamente desprovida de ideias, de método e de visão estratégica, atribui, em última instância, a culpa da crise mundial ao nosso Governo (e pessoalmente a José Sócrates).


Carissimos, a verdade é esta, se vamos pelo caminho da retracção no investimento público, como é apanágio do PSD, perdemos irremediavelmente o comboio do desenvolvimento estrutural transfronteiriço e corremos o risco de que Portugal, no seu todo, se transforme numa "região ultra-periférica", sem uma resposta cabal e credível para dar aos portugueses em face da crise financeira e económica.




 

publicado por Ricardo_Barros às 14:12
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. La incompetencia es tanto...

. Eleição Secretário Geral ...

. Incompreensível!

. A Ascensão e Queda de Cav...

. Cavaco Silva: A realidade...

. PSD three men and a shado...

. (In)justiça Vergonhosa

. Saramago diz que bíblia é...

. Vila Viçosa Precisa … Vil...

. Os "Gates" da Campanha da...

.arquivos

. Junho 2013

. Junho 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds